/, Indústria/A importância da gestão dentro de uma indústria

A importância da gestão dentro de uma indústria

Apesar de o setor industrial ter sofrido muito com a crise nos últimos anos, a espera é que ele tenha um crescimento alto neste ano.

Essa previsão faz com que aumente cada vez mais a competitividade no setor. Isso faz com que as indústrias busquem cada vez mais formas de se modernizar e estar a frente de seus concorrentes.

Existem diversos meios de um negócio do tipo sair na frente, principalmente se utilizando de métodos de gestão. Entenda a importância que a gestão tem dentro da sua empresa em nosso post!

Porque ela é tão importante

Quando falamos de controle interno de uma empresa, podemos falar de diversos âmbitos. Ou seja, podemos falar de controle de funcionários, controle de produção, controle financeiro e muitos outros.

Não podemos falar que exista algum desses que seja mais importante que os outros, porque cada um tem sua devida relevância. O que deve ser atentado é a necessidade de uma gestão bem feita. E por isso sua importância.

Se falarmos do controle de produção, por exemplo, estamos falando da total administração desse setor. Isso, implica controle de matérias-primas, de tempo de produção, fórmulas de produção e do estoque, seja de matéria-prima como de produto final.

Ao realizar o controle dessas áreas, é possível evitar a perda de dinheiro e de tempo. Por exemplo, quando se controla com afinco a quantidade de matéria-prima utilizada para produzir um produto, é possível saber a quantidade necessária na próxima época de fabricação.

Assim como se pode definir tempo de produção e realocar funcionários ou maquinários em áreas que requerem uma maior atenção.

Também dependente de um maior controle, o controle de sazonalidade pode trazer uma ideia mais ampla da quantidade de produtos necessária para o período.

Métodos de gestão dentro de uma indústria

Existem vários métodos que podem ser utilizados para melhorar a gestão de uma empresa. Alguns que podemos citar são:

Matriz GUT

A matriz GUT é uma ferramenta de solução de problemas. Sua sigla, GUT, significa Gravidade, Urgência e Tendência. Utilizando o método é possível resolver os mais diversos tipos de problema dentro do ambiente de trabalho.

5W2H

O método 5W2H, apesar de parecer algo mais complicado, é bem simples. Ele é utilizado para definir planejamentos dentro do negócio. O nome também é uma sigla. Pensada primeiro em inglês, segue seu nome inicial. Cada letra significa algo:

  • What é O QUE precisa ser feito;
  • Why é POR QUE precisa ser feito;
  • Where é ONDE deve ser feito;
  • When é QUANDO precisa ser feito;
  • Who é QUEM será responsável;
  • How é COMO deve ser feito;
  • How much é QUANTO custará.

Ishikawa

Esse diagrama é uma das 7 ferramentas de controle de qualidade que uma empresa pode utilizar. Sua função é encontrar as causas de problemas. Ele pode ser utilizado tanto para questões da sua empresa como também para a vida pessoal. Também chamado de Diagrama Espinha de Peixe, a sua aparência, quando montada, lembra o espinho de um peixe.

Ciclo PDCA

O ciclo PDCA é um método utilizado dentro do controle estatístico de qualidade. Seu intuito é melhorar a qualidade dos processos com um controle rigoroso. O ciclo PDCA também é uma sigla, e, assim como no 5W2H, sua sigla continua em inglês. Dentro do ciclo PDCA, cada letra significa uma etapa:

  • P – Plan: Planejar.
  • D – Do: Fazer ou executar.
  • C – Check: Checar, conferir.
  • A – Action: Ação. Essa etapa inclui esta relacionada a correção de falhas.

SWOT

A análise SWOT é uma ferramenta de análise do ambiente de trabalho para um melhor planejamento para a tomada de decisões. A análise SWOT gera 4 fatores, cada letra é responsável por um deles.

  • S – Strenght: Força;
  • W – Weakness: Fraqueza;
  • O – Opportunities: Oportunidades;
  • T – Threats: Ameaças.

O eGestor também possui uma ferramenta para uma melhor analise. É possível encontrá-la aqui.

Just in Time

O método Just in Time é, a princípio, um método de controle de estoque, sendo amplamente utilizada para o controle de produção. Seu nome já diz muito sobre ele. A tradução do termo significa “no tempo certo”. Seu objetivo é fazer com que nenhuma mercadoria seja comprada antes ou depois.
Com o auxílio do método é possível garantir que o estoque tenha quantidade suficiente para enfrentar o que vem pela frente.

Curva ABC

A curva ABC é um método que visa descobrir qual produto vendido é o mais lucrativo e rentável para o negócio. Utilizando o cálculo do giro, do faturamento e da lucratividade, é possível selecionar os três grupos de produtos dentro da empresa:

  • Grupo A: os principais produtos. Os que trazem mais lucratividade, faturamento e tem um giro razoável.
  • Grupo B: normalmente os que estão em maior quantidade no estoque. Eles tem um giro alto e representa lucro e faturamento razoável.
  • Grupo C: não são tão procurados. Mas ainda há necessidade de ter eles em estoque. Não representam um valor expressivo de lucratividade, faturamento ou giro.

Planilha de controle de produção

Um meio de controlar a produção de uma indústria é com uma planilha de controle de produção. Nela, devem ser inseridas as matérias-primas, as fórmulas e os produtos da empresa. Assim, é possível saber a quantidade necessária de matérias-prima e os produtos que se tem em estoque.

Sistema de gestão de produção

Um sistema de gestão com módulo de produção serve para gerenciar toda a produção de um negócio de forma completamente integrada.

Isto é, o controle de produção, a quantidade de produtos, os valores gastos e as saídas desses produtos estão integradas.

Isso, porque o sistema de gestão também conta com controle de estoque, de financeiro, de fluxo de caixa e muito mais. Além de também contar com relatórios e outros serviços necessários dentro de uma empresa, como emissão de boletos e de notas fiscais eletrônicas.

Benefícios da gestão dentro de uma indústria

São muitos os benefícios que a gestão pode trazer para uma indústria. Dentre eles podemos citar a organização trazida. Uma vez que se utiliza um controle para a produção, essa se torna mais rigorosa. O que pode diminuir gastos e aumentar a produtividade. Alguns benefícios que podemos citar são:

  • Maior produtividade;
  • Melhor qualidade;
  • Menos gastos desnecessários;
  • Melhor organização das finanças;
  • Melhor desempenho de funcionários;
  • Facilita a tomada de decisões.

Considerações Finais

A gestão dentro de uma indústria é imprescindível. Ela pode trazer diversos benefícios e ajudar nos mais diversos meios. Por isso, recomendamos a utilização de um sistema de gestão, que pode integrar esses e outros dados, como o eGestor.

Texto escrito pela equipe eGestor.