//O que é Fluxo de Caixa e como ele pode ajudar sua indústria

O que é Fluxo de Caixa e como ele pode ajudar sua indústria

O fluxo de caixa é fundamental para manter a organização das finanças da sua empresa, traçar estratégias para o crescimento, bem como reverter situações negativas.

A gestão financeira é uma das bases do sucesso do seu negócio. As indústrias que crescem e se desenvolvem mantém o controle das finanças sempre em ordem. Um instrumento básico para o planejamento financeiro é o controle e monitoramento de todo fluxo de caixa do seu negócio.

Independentemente do porte ou área de atuação da indústria, apostar em programas de controle de caixa é imprescindível.

No dia a dia de uma empresa, ocorrem diversas transações de entrada e saída de dinheiro. Por isso, a organização financeira é fundamental.

No lugar de planilhas manuais, instalar um programa de gestão é uma solução para profissionalizar e turbinar os processos administrativos.

O programa para fluxo de caixa ajuda a apurar os dados e projetar o saldo disponível. O resultado é mais agilidade e maior controle de gastos.

O que é fluxo de caixa

O fluxo de caixa é um dos principais instrumentos no auxílio do controle financeiro. Através dele é possível acompanhar detalhadamente toda a movimentação do dinheiro de uma empresa. Assim, o empreendedor tem uma visão real da situação financeira do seu negócio.

Além de registrar e controlar todas as entradas e saídas de recursos durante um determinado tempo, o fluxo de caixa permite projetar os lançamentos e investimentos futuros.

Para um melhor acompanhamento financeiro, o fluxo de caixa deve ser realizado de tempos em tempos, seja diário, semanal, mensal ou anual, dependendo do seu empreendimento.

Apesar de ser essencial os negócios, nem todos os gestores compreendem sua importância ou não tem o conhecimento de como controlar fluxo de caixa.

Assim, muitas indústrias ainda sofrem por não manterem um acompanhamento regrado de todas as entradas e saídas de valores.

Caso o gestor financeiro olhe apenas para o dinheiro que entra, pode ter uma visão errada sobre a situação financeira da empresa.

Em épocas de picos de vendas ou em vencimentos de contratos, por exemplo, o alto fluxo de dinheiro pode criar uma falta impressão de que tem dinheiro sobrando, mas assumir isso sem ponderar os gastos que vêm pela frente, pode causar um enorme déficit financeiro, levando até a perda do controle dos negócios.

Ou seja, sem o correto fluxo de caixa a realidade financeira da empresa fica escondida. Mesmo que tenha entrado muito dinheiro em um determinado período, se os gastos foram altos, pode não haver lucro algum.

Ao realizar o fluxo de caixa é possível ter uma visão mais precisa sobre a real situação da empresa. Isso significa saber a atual saúde financeira, as projeções para o futuro, a necessidade de ajustes, entre outros.

Como fazer fluxo de caixa

O fluxo de caixa de toda empresa funciona basicamente do mesmo jeito, é o resultado de todo dinheiro que entra reduzido de todo dinheiro que sai. Porém, essa estrutura irá depender da natureza da indústria e os prazos dessas movimentações.

Como muitas empresas lidam com um grande fluxo de operações financeiras, seja em vendas, pagamentos, recebimentos, compras, entre outras, alguns empreendedores podem ficar um pouco perdidos na hora de fazer o controle financeiro. Mas, fazer fluxo de caixa pode ser mais fácil do que se imagina.

Para tornar o processo mais eficiente, é necessário que todas as receitas e despesas sejam registradas com disciplina e sem erros.

O fluxo de caixa engloba:

– todos os recebimentos (vendas à vista, a prazo, dinheiro em caixa ou em conta no banco, recebimento de duplicatas, entre outros);

– todos os pagamentos (compras à vista, a prazo, fornecedores, despesas bancárias, telefone, internet, água, luz, salários e encargos de funcionários, materiais de escritório, copa, limpeza, entre outros);

– previstos (valores já conhecidos ou facilmente estimados).

O fluxo de caixa pode ser elaborado manualmente em um caderno ou planilha de Excel, porém, será muito mais trabalhoso e passível de erros.

O mais recomendável é investir em ferramentas mais completas, como um programa para fluxo de caixa. Assim, o controle será mais fácil, organizado e ágil.

Software de fluxo de caixa

Elaborar um fluxo de caixa é uma ação simples e indispensável de gestão financeira. Com o correto controle é possível contar com uma série de variáveis que fazem toda a diferença para a tomada de decisões.

Além da visão presente, ela é uma excelente ferramenta para projeções futuras. Com base nesses dados, o empreendedor pode antecipar algumas decisões importantes, como a redução de despesas, planejamento de promoções, investimentos, ajustes nos preços, solicitação de empréstimos, negociação com fornecedores e outras medidas a fim de evitadas ou minimizadas ou possíveis dificuldades financeiras.

A grande vantagem de utilizar um fluxo de caixa online é automatização de processos, uma vez que os módulos do ERP são integrados. Dessa forma, ao realizar uma operação financeira, seja venda ou pagamento, as informações já são atualizadas, em tempo real, no financeiro.

Assim, se evita também erros humanos de digitação ou até esquecimento. O software faz tudo, você só acompanha tudo que entra e sai da sua empresa.

É bem verdade que há softwares de gestão de fluxo de caixa caros. Porém, o mercado apresenta também novidades voltadas às pequenas e médias empresas, com valores bem acessíveis, outros inclusive com períodos de teste grátis que podem elevar seu negócio e facilitar a gestão da sua empresa.

Ao escolher entre os programas de controle de caixa para sua empresa, leve em consideração as funcionalidades, segurança, suporte, recurso para multiplataforma, além de opções extras, como relatório DRE, conciliação bancária, emissão de nota fiscal e boleto bancário.

Opte por um sistema de gestão online completo para sua indústria que permita o controle financeiro, controle de estoque, contas a pagar, contas a receber, fluxo de caixa.

Controle de perto de todas as movimentações, preveja, planeje e controle todas as entradas e saídas que vêm pela frente e tome as decisões certas na sua indústria. Ter um processo claro, preciso e automatizado vai ter auxiliar muito no controle e sucesso do seu negócio. Abra mão das planilhas manuais e utilize um sistema ERP.