//Como a indústria impacta no dia a dia do brasileiro

Como a indústria impacta no dia a dia do brasileiro

A indústria desempenha um papel fundamental na vida dos brasileiros. As estatísticas apontam que o setor é responsável por 22% do PIB brasileiro, segundo informações do Portal da Indústria.

Além de boa parte dos aparelhos e recursos do nosso dia a dia se relacionarem ao seu avanço, o setor participa de 20% do emprego formal no Brasil, sendo um dos mais importantes condutores econômicos do país.

Por essa importância, o setor que movimenta boa parte da economia e consequentemente melhora a imagem do país ao redor do mundo, virou uma data comemorativa conhecida como o Dia da Indústria.

Como surgiu o dia da Indústria?

Comemorado 25 de maio, o dia da indústria existe em consideração ao Engenheiro Roberto Cochrane Simonsen, conhecido como o pai da indústria nacional. Ele foi engenheiro, industrial, professor, administrador, historiador e político.

Simonsen, sempre defendeu a ideia de que o Brasil devia ser um país industrial e o objetivo de eliminar a miséria no país.

O engenheiro também alcançou cargos importantes, como a presidência da Confederação Nacional da Indústria e da Federação das Indústrias no Estado de São Paulo.

Simonsen faleceu em 25 de maio de 1948, aos 59 anos, data essa que depois foi escolhida como o Dia Nacional da Indústria

Os avanços tecnológicos e seus impactos nas produções

Ao ser perguntado sobre a fabricação de um determinado produto, como um carro, por exemplo, é natural que seu pensamento seja uma linha de produção motorizada. A questão é que antes de falar sobre a indústria atual é necessário entender suas mudanças até chegarmos a este cenário.

Embora iniciada a partir do século XX, a industrialização no Brasil ganhou força a partir da década de 30. O fim da Segunda Guerra Mundial afetou toda a Indústria Norte Americana, assim como alguns países Europeus.

No Brasil, o crescimento industrial se iniciou pela região Sudeste, próximo aos portos e aeroportos mais importantes, de onde as produções poderiam ser levadas para o exterior.

Na segunda metade do século XX as empresas multinacionais começaram a se instalar no Brasil, trazendo parte do seu processo industrial. Os principais segmentos eram: farmacêutico, químico, eletroeletrônico e automobilístico.

A transição do país até a modernização

Em comparação ao início das indústrias nacionais o Brasil cresceu bastante neste setor, porém, houve um momento de dificuldade. A crise instalada no país durante o Regime Militar de 1964 durou até 1985, quando o Regime chegou ao fim.

Após um período de transição, já na década de 90, o presidente Fernando Collor foi o responsável pela reabertura do mercado nacional às importações.

Essa reabertura deu início a uma importante fase na indústria automobilística do Brasil: a importação de produtos e máquinas.

Desde então, a indústria nacional foi impulsionada pela entrada de tecnologias e suas inovações. O fluxo de novidades cresce à medida das necessidades e investimentos em robótica, dessa forma, a produção nacional se expande e moderniza.

A indústria e sua relação com as pessoas

O progresso da indústria beneficia a todos, principalmente as pessoas que não possuem relação direta com ela. Um bom exemplo é a evolução da robótica e como ela reflete na vida de todos.

Atualmente a indústria conta com robôs que fazem boa parte do trabalho pesado e o mesmo acontece com o trabalho doméstico das pessoas.

Um bom exemplo disso é a importância que damos para os produtos. Antigamente, uma vassoura e uma pá eram itens insubstituíveis. Porém, se compararmos a utilidade de uma vassoura, uma pá e um saco de lixo com a de aspirador de pó, os três primeiros parecem ultrapassados.

Imagine então se além de um aparelho para aspirar, ele fizer a limpeza sozinho? Essa é uma realidade, e uma representação de como o avanço no campo da robótica reflete tanto nas grandes montadoras de carros, quanto na casa das pessoas.

Toda essa tecnologia exige um processo de adaptação, uma mudança que pode também melhorar os recursos e o trabalho industrial.

Rodrigo Serena é sócio-fundador da Oximeg, empresa que atua no segmento de equipamentos magnéticos. Serena acredita que poder produzir a maior parte dos equipamentos no Brasil melhora a qualidade dos seus serviços.

“Hoje atendemos tanto o mercado nacional quanto o internacional. 90% dos nossos equipamentos são produzidos em nossa fábrica, com isso garantimos agilidade e qualidade no atendimento ao cliente”, afirma Serena.

A indústria e o meio ambiente

Desde os anos 90 a indústria tem a missão de discutir maneiras de controlar a emissão de resíduos e gases sem afetar a escala de produção.

Segundo a ABIMAQ (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), as empresas brasileiras vêm trabalhando com a conscientização nas questões relacionadas ao meio ambiente.

É importante lembrar que a sustentabilidade contribui para a imagem das empresas, uma vez que o público associa a marca às questões ambientais e de consciência coletiva.

O impacto da internet na indústria

A internet está presente no cotidiano dos brasileiros para tudo, seja no trabalho, lazer ou na busca por informações.

O futuro é online, e com a indústria não é diferente.

Sites, plataformas e ferramentas online ajudam a indústria a gerir processos, comprar produtos e vendê-los.

O soluções Industriais é um exemplo de portal que oferece a possibilidade de cotar produtos com diversos fornecedores de uma só vez, facilitando o acesso do usuário.

William Araújo é sócio proprietário da empresa Art Metal Portões e vê a utilidade da internet refletida em sua parceria com o Soluções Industriais.

O proprietário disse que recomenda a empresa por sua seriedade: “ a importância de ter a parceria com o Soluções é a abrangência de buscas e resultados deles. Eu recomendo o Soluções Industriais, qe é uma empresa séria e tem bons posicionamentos no Google”.

A internet se tornou um mercado de todas as coisas, e no que diz respeito à indústria, é uma forma de otimizar a produção.

A indústria utiliza a internet ao seu favor possibilitando a coleta de dados, e essas informações podem tornar os setores mais conectados.

Na prática, o setor de produção pode entender as demandas, o de vendas qual a melhor forma para distribuir o seu produto e o consumidor final tem à sua disposição todas as ferramentas de assistência, suporte ou mesmo reclamações.

As grandes empresas devem se manter otimistas e aprender sobre o uso da internet. Isso porque, é online que as empresas têm à disposição meios para um crescimento saudável.

Os desafios da indústria

Por fim, melhorar o setor industrial com mais tecnologia e mão de obra qualificada pode colocar o Brasil em outro patamar em relação ao resto do mundo.

O desenvolvimento da indústria é algo que afeta a todos, pois seu crescimento muda além de si, toda a cadeia produtiva que a envolve.

Para alcançar isso é importante tomar decisões que agilizem os processos industriais, como mão de obra qualificada, implementação da robótica na linha de produção e o uso da internet como um grande meio de acesso ao seu produto.

Aproveite e conheça o Soluções Industriais, o maior plataforma B2B industrial da América Latina. A plataforma B2B focada no setor industrial tem como objetivo facilitar o contato das indústriais com seus potenciais clientes.

Além disso, o Soluções tem meio milhão de acessos por mês, sendo a principal plataforma do segmento. Para saber mais sobre o Soluções Industriais e como revolucionar suas vendas com esse marketplace.