//Como funciona a pesagem de caminhões

Como funciona a pesagem de caminhões

A utilização da balança digital ajuda a agilizar na pesagem de alguns processos nas indústrias. Sendo um equipamento que quando aliado a acessibilidade, consegue proporcionar fácil monitoramento da pesagem para o colaborador.

Quando um caminhoneiro recebe a missão de fazer o transporte de cargas nas estradas, é recomendado que ele tenha um cuidado com a segurança de todos que estão envolvidos, tanto as pessoas que dirigem outros veículos, como com o material que está sendo carregado.

Depois de explicar sobre a importância das balanças, e a atenção que os caminhoneiros devem ter, vamos entender como funciona a pesagem de caminhão. Confira.

LEI DA BALANÇA NAS ESTRADAS BRASILEIRAS

Centro de distribuição

Com a lei da balança, o peso tem que estar dentro do padrão determinado, sendo verificado junto à distribuição da carga por eixos.

O excesso do peso nos caminhões para transportar as cargas gera maiores custos nos cuidados e gastos extras com o consumo, principalmente, de combustível, sem falar também dos riscos de acidentes nas vias.

Para não correr riscos desnecessários, é importante ter o carregamento sempre no peso certo e conseguir o melhor desempenho no transporte de cargas.

Para verificar isso, os caminhoneiros passam por balanças que possuem software de pesagem, e assim, conseguem identificar algumas irregularidades no eixo, possibilitando assim, que eles melhorem ainda mais a distribuição de todo o material que está sendo carregado.

Embora que por lei seja estipulado o peso máximo para o carregamento das cargas e seja uma norma antiga, muitos motoristas ainda possuem dúvidas, ou até mesmo trabalham passando dos limites.

Para poder entender melhor essa situação e não ter nenhum problema, veja mais sobre a lei da balança.

COMPREENDA COMO FUNCIONA A LEI DA BALANÇA

Pesagem de caminhões

O objetivo dessa lei é exigir um limite no peso das cargas é assegurar o bom transporte de todos que estão nas vias, ter o controle dos veículos que estão na pista, além de poder conservar o asfalto para justamente não causar acidentes no futuro. Para aquele que passam do limite no peso das cargas, têm as multas e ainda podem acabar se prejudicando.  

Por que o peso é por eixo?

A verificação do peso por eixo têm como principal função, diminuir o contato do veículo com o solo, para que assim ele distribua de forma igualitária toda a sua carga e consiga evitar a concentração em um único ponto. Lembrando apenas que, o estado que temos das estradas em sua grande porcentagem de culpa é do excesso de peso das cargas. Um exemplo: uma carga que passa dos 20% do limite, pode chegar a causar um desgaste de 50% no solo.

Porém, todo esse cuidado com o peso das cargas não é somente com as estradas, mas também de poder cuidar do veículo, já que é produzido para aguentar um determinado valor em cada eixo. Portanto é importante seguir a lei para consequentemente também respeitar a máquina que garante seu sustento.

Carga máxima por cada eixo do veículo

A carga que será transportada pelo veículo depende de quantos pneus serão utilizados nesse eixo e a distância entre eles. Confira os principais tipos encontrados no mercado nacional para ter como base e ficar atento na hora de distribuir as cargas:

  • Eixo isolado com 2 pneus – carga máxima: 6 toneladas;
  • Eixo isolado com 4 pneus – carga máxima: 10 toneladas;
  • Conjunto de 2 eixos direcionais com 2 pneus (cada) – carga máxima: 12 toneladas;
  • Conjunto de 2 eixos em tandem com 4 pneus (por eixo) – carga máxima: 17 toneladas;
  • Conjunto de 3 eixos em tandem com 4 pneus (por eixo) – carga máxima: 25,5 toneladas.

Tolerância caso passe do peso indicado

Software de pesagem

Para que se tenha uma pesagem exata e não ocorra nenhum imprevisto, é preciso que o equipamento esteja totalmente calibrada e em ótimo estado de conservação. Porém pode haver alguns erros e pensando nisso a lei da balança dá a liberdade de se ter uma tolerância acima do peso das cargas, consequentemente, ajudando aos motoristas não cometer nenhuma infração. Essa tolerância é de 5%.

A partir desse percentual o caminhão está sob o risco de ter uma multa e necessita realizar transbordo para poder seguir viagem, já quanto aos eixos, a tolerância é um pouco maior: 10%. Qualquer número acima disso vai ser aplicada a multa. O transbordo nesses casos, porém, só é necessário se o percentual for acima de 12,5%.

Quando for fazer o transporte de cargas, análise todos quesitos para não ter consequências mais a frente, atente-se ao peso e na lei da balança.

O Soluções Industriais é um portal onde você encontra tudo que precisa para a pesagem dos caminhões. Acesse nossa plataforma, procure pelo produto desejado e solicitar seu orçamento gratuitamente. É fácil, ágil e muito útil.